segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

A imitação da rosa - Clarice Lispector (resumo)

Laura era uma esposa submissa aos desejos do marido. Não tiveram filhos, por isso, viviam sempre na mesma rotina. Costumavam jantar com um casal de amigos, Carlota e João. O maridos falavam de notícia, enquanto as esposas falavam de assuntos caseiros. Carlota era mais agitada e falante, já Laura era mais quieta, o que a deixava triste, por desejar ser como a amiga.
Em um certo dia, Laura estava muito atarefada, pois sairia para jantar com o casal assim que o marido voltasse do trabalho. Ela costumava preparar tudo com muita antecedência para não chegar atrasada, para deixar a casa limpa antes de sair e para ajudar o marido a se trocar.
Foi quando olhou as rosas em um jarro na sala de sua casa. Rosas tão lindas que a incomodaram. Laura decidiu mandá-las de presente para Carlota, com quem jantaria naquela noite. Passou por um momento de dúvida, pois aquelas rosas, de repente, assumiram um significado novo. Laura ficou com vontade de mantê-las em casa, mas, mesmo assim, foi forte e mandou a empregada entregá-las.
Sua dedicação às rosas foi tanta que acabou perdendo a hora de arrumar-se antes do marido chegar, mas ele ficou aliviado ao vê-la tão feliz naquele dia.


Quer ajudar o canal? Compre qualquer livro na Amazon usando o link abaixo. Você não vai gastar nada a mais por isso! Gratidão! KINDLE: https://amzn.to/3Bq0S6A LIVRO: https://amzn.to/3EmBKQa


6 comentários:

  1. Qual o tema do texto??

    ResponderExcluir
  2. Estou fazendo um trabalho sobre Clarice Lispector, e gostei muito sobre os resumos das obras dela que encontrei neste site. PARABÉNS ... :D

    ResponderExcluir
  3. alguem me fala qual è o climax da historia pofvr???

    ResponderExcluir
  4. Rsrs, achei confusa a estória ao ler o conto na íntegra, mas tudo bem. Rrt

    ResponderExcluir